Superaposta
Voleibol

Começou a Superliga brasileira de voleibol

Vôlei - Sada Cruzeiro - Leon

Já se iniciou a 22.ª edição da Superliga Brasileira de Voleibol Masculino de 2015/16 – Série A, que mais uma vez conta com a participação de 12 equipes:  Sada Cruzeiro (MG), Sesi (SP), Funvic/Taubaté (SP), Minas Tênis Clube (MG), Montes Claros Vôlei (MG), Vôlei Brasil Kirin (SP), Lebes/Gedore/Canoas (RS), Voleisul/Paquetá Esportes (RS), Copel Telecom/Maringá Vôlei (PR), Bento Vôlei/Isabela (RS), São José dos Campos (SP) e Juiz de Fora Vôlei (MG).

A fase classificatória da competição é disputada por estas doze equipes em dois turnos. Em cada turno, todos os times jogarão entre si uma única vez. Os jogos do segundo turno são realizados na mesma ordem do primeiro, apenas com o mando de quadra invertido. Nesta fase, a vitória por 3-0 ou 3-1 garantirá três pontos para o vencedor e nenhum ponto para o derrotado. Já com o placar de 3-2, o vencedor da partida leva dois pontos e o derrotado um. Os dois times colocados nos últimos lugares serão rebaixados para a Série B 2016/17.

Por outro lado, os oito primeiros colocados se classificarão para os playoffs, que serão divididos em três fases – quartas-de-final, semi-finais e final. Nas quartas-de-final haverá um cruzamento entre as equipes com os melhores índices técnicos seguindo a lógica: 1ª. x 8ª.; 2ª. x 7ª.; 3ª. x 6ª. e 4ª. x 5ª. Estas jogarão partidas em melhor de 3 (jogos), sendo um mando de campo para cada e o jogo de desempate, quando houver, no ginásio da equipe com o melhor índice técnico da fase classificatória.

Vôlei - Sada Cruzeiro

Sada Cruzeiro parte como grande favorito

O Tricampeão da Superliga, o Sada Cruzeiro manteve sua base vitoriosa, mas vê o Funvic/Taubaté, contratar em peso e despontar como um dos favoritos aos títulos da temporada. A equipe paulista, no entanto, sofreu um revés ao ver terminada a sua parceria com o São Paulo FC. Equipes como o Sesi-SP, Montes Claros e Vôlei Brasil Kirin também passaram por mudanças no elenco e prometem confrontos em alto nível, mesmo caso do São José dos Campos, que anunciou medalhões do vôlei, se destacando no vai-e-vem.

Mas o Sada Cruzeiro, vencedor em 2014/15, 2013/14 e 2011/12, fez valer a sua força ao conquistar já nesta temporada o título de campeão Mineiro, do Mundial de Clubes e da Supercopa. Para além disso o campeão brasileiro renovou com vários atletas do seu elenco, como são os casos de William, Wallace, Fillipe, Leal, Éder, Isac, Serginho e o canadense Winters. Para além disso o ténico argentino Marcelo Mendez irá cumprir a sétima temporada consecutiva à frente da equipe.

Com as saídas do oposto PV e central Douglas Cordeiro, o time de Belo Horizonte planeja ainda dar maior espaço aos jovens da base que conquistaram o título da Superliga B em 2015.

Montes Claros Vôlei

Segunda rodada já completa

Neste arranque de temporada, que já vai na segunda rodada, destaque para a equipe do Montes Claros, que superou dois dos principais concorrentes ao título. A formação do norte de Minas derrotou na ronda inaugural o Funvic/Taubaté por 3-2 (23-25, 25-23, 20-25, 25-20, 15-12), em casa, e depois ultrapassou fora de portas o Sesi-SP também por 2-3 (25-14, 19-25, 25-21, 28-30, 14-16).

O mesmo equivale a dizer que o Montes Claros segue na 3.ª posição com 4 pontos conquistados, menos 2 do que Vôlei Brasil Kirin e Voleisul/Paquetá Esportes. Esta última equipe que se estreia em competições oficiais, depois de ter sido foi formada em 2013 por uma mescla de jogadores experientes e jovens promessas do voleibol gaúcho. A meta da time passa por recolocar a cidade de Novo Hamburgo no cenário do vôlei nacional.

Entretanto, o campeão Sada Cruzeiro, que viu o jogo da ronda inaugural frente ao Bento Vovei/Isabela ser adiado para dia 18 de novembro, recebeu e venceu o Lebes/Gedore/Canoas por 3-1 (25-19, 36-38, 25-20, 25-13).

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Populares

Superaposta

Copyright © 2018 SuperAposta

Topo