Superaposta
Copa América 2016

JAMAICA Copa América Centenário 2016

JAMAICA Copa América Centenário 2016

Após disputarem a primeira Copa América em 2015, os jamaicanos voltam a participar da competição continental. Desta vez, conquistaram a classificação pela CONCACAF e chegam com um time mais preparado, depois de serem vice-campeões da última Copa Ouro.

  • Alcunha: The Reggae Boys
  • Treinador: Winfried Schäfer
  • Jogador Chave: Wes Morgan
  • Presenças na Copa América: 1
  • Melhor desempenho na Copa América: Fase de Grupos (2015)
  • Ranking FIFA: 52.º Lugar
  • Ranking SuperAposta: 1.5 estrela
  • Odds: 147.70 (para vencer a Copa América Centenário)

Pontos Fortes

Os principais pontos fortes da Jamaica são a força física e a velocidade. Utilizando isso e uma defesa que sofre poucos gols, os jamaicanos conseguiram chegar à final da última Copa Ouro, onde foram derrotados pelo México.

Vão precisar de outras boas atuações da defesa, sofrer poucos gols e aproveitar as oportunidades de contra-ataque, para conseguirem uma boa campanha na Copa América Centenário.

Pontos Fracos

O vice-campeonato da Copa Ouro foi um feito e tanto para a Jamaica, mas ainda falta estabilidade para a equipe treinada por Winfried Schäfer.

O empate contra a Costa Rica, fora de casa, e a derrota para o Panamá, dentro de casa, pelas Eliminatórias da CONCACAF, são exemplos de como o time vive de altos e baixos.

Portanto, é difícil saber o que esperar dos “reggae boys”, apenas de que utilizarão muito de velocidade e força física, sem muita técnica, mas com muita vontade.

Darren Matocks é o principal atacante da seleção jamaicana. Certamente fará falta durante a Copa América

Darren Matocks é o principal atacante da seleção jamaicana. Certamente fará falta durante a Copa América

Principais Jogadores

Darren Mattocks, atacante do Portland Timbers, foi o principal nome do ataque jamaicano durante a Copa Ouro. O jovem, de 25 anos, já tem 12 gols marcados com a camisa jamaicana, em 36 vezes que a vestiu. Com certeza um nome para ficar de olho na Copa América Centenário.

Demar Phillips é outro – dos muitos – que atua na MLS. O lateral esquerdo do Real Salt Lake é um dos comandantes da equipe. Sua principal arma é o apoio ofensivo, chegando muitas vezes à linha de fundo para cruzar e até entrando na área para marcar seus gols – já tem 12 pela seleção jamaicana.

No entanto, os dois acima citados, não foram convocados pelo treinador Schafer. Tendo em vista a última temproada, Wes Morgan talvez seja o mais importante do time jamaicano. O zagueiro do Leicester foi titular e capitão durante a campanha do título inglês, muito seguro dentro do sistema armado por Ranieri.

Grupo

A Jamaica foi colocada no grupo C, ao lado de México, Uruguai e Venezuela. Um grupo bastante difícil para um time como o jamaicano, mas que não é o pior dos cenários, comparando a outros grupos da competição.

Se quiserem avançar para as quartas de final, terão, obrigatoriamente, de vencer os venezuelanos e tirar pontos de México e Uruguai, favoritos à avançarem para próxima fase.

Histórico na Copa América

Os “reggae boys” têm uma história bem curta na competição. Esta será apenas a segunda vez que a Jamaica participará de uma Copa América.

A primeira e única vez que disputaram foi em 2015, em edição disputada no Chile. Na ocasião, os jamaicanos foram eliminados na primeira fase sem conquistar um único ponto – foram derrotados nas três partidas pelo placar de 1-0.

Wes Morgan foi o capitão da campanha de título do Leicester City. Na imagem, ele ergue a tão sonhada Premier League

Wes Morgan foi o capitão da campanha de título do Leicester City. Na imagem, ele ergue a tão sonhada Premier League

 23 Convocados

  • Goleiros: Andre Blake (Philadelphia Union), DuWayne Kerr (Stajarnan) e Ryan Thompson (St. Louis FC);
  • Defensores: Damano Solomon (Portmore United), Michael Hector (Reading), Westley Morgan (Leicester City), Rosario Harriott (Harbour View), Adrian Mariappa (Crystal Palace), Kemar Lawrence (NY Red Bulls) e Jermaine Taylor (Portland Timbers);
  • Meias: Chevone Marsh (Cavaler Sports Club), Joel McAnuff (Leyton Orient), Andrew Vanzie (Humble Lion), Michael Binns (Portmore United), Je-Vaughn Watson (NE Revolution), Lee Williamson (Blackburn Rovers), Randolph Austin (Bronby IF) e Garath McCleary (Reading);
  • Atacantes: Dever Orgill (IFK Marieham), Clayton Donaldson (Birmingham City), Giles Barnes (Houston Dynamo), Allan Ottey (Montego Bay United) e Simon Dawkins (SJ Earthquakes).

11 Provável da Jamaica na Copa América Centenário 2016:

11 provável da Jamaica na Copa América Centenário 2016

11 provável da Jamaica na Copa América Centenário 2016

Faça sua SUPERAPOSTA na Copa América Centenário 2016

Copa América Centenário 2016

Clique aqui e conheça as 16 equipes da Copa América Centenário 2016

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Populares

Superaposta

Copyright © 2018 SuperAposta

Topo